Mais de 500 catequistas participam de formação com Dom Pedro

Mais de 500 catequistas participam de formação com Dom Pedro

A Pastoral Catequética realizou na manhã domingo, (25/9), o 16º Encontro Diocesano de Formação dos Catequistas com Pais e Padrinhos, na Basílica Menor Nossa Senhora da Boa Viagem, a Matriz de São Bernardo, para mais de 500 catequistas. O tema central do evento foi “Batizados em Cristo nos revestimos de Cristo”, com o lema “Vós todos que fostes batizados em Cristo vos revestistes de Cristo. Não mais judeu ou grego, escravo ou livre, homem ou mulher, pois todos vós sois um só, em Cristo Jesus” (Gal 3, 27-28).

O evento começou com a palestra do bispo da Diocese de Santo André, Dom Pedro Carlos Cipollini, que falou sobre “a Iniciação e a Misericórdia”. Sobre a Misericórdia, o pastor da Igreja do Grande ABC recordou a parábola do bom samaritano, que ajudou um homem ferido (havia sido atacado por salteadores) e tinha sido rejeitado por um judeu e um sacerdote. “O samaritano nem perguntou quem era. Ele viu e teve compaixão. Jesus ensina o amor, a misericórdia dirigida a todos, sem distinção, até para o seu inimigo”, destacou o bispo.

Dom Pedro ainda ressaltou que todo batizado não é apenas filho pela natureza da criação, mas é filho pela graça de Cristo. “Pelo batismo, somos unidos a Cristo, pelo batismo nos tornamos em Cristo filhos de Deus. Quando pecamos, Deus vê em nós aquilo que temos de imagem de Jesus. Olha a grandeza do batismo. Faz-nos filhos de Deus em Jesus Cristo. Por isto, aquele que é batizado permanece filho de Deus em Cristo. Deus olha para a dignidade dele, olha o erro também, mas antes do erro, quer recuperá-lo. É a misericórdia de Deus”, explicou o bispo.

Segundo Dom Pedro, não há como um cristão batizado seguir sua fé sem estar na Igreja. “O batismo introduz o cristão na comunidade. Mentalidade de ser cristão sem Igreja não existe. Sou cristão, sigo Jesus, mas não vou à Igreja. Cristo é a cabeça e a Igreja, o corpo. Gosto da cabeça, o corpo joga fora. Isso não existe. O lugar de você entrar na dinâmica do amor misericordioso e crescer nele é a Igreja, na qual somos introduzidos pelo batismo”, disse.

Após a palestra de Dom Pedro, foi a vez do Pe. Eduardo Calandro com o tema “Iniciação à Vida Cristã com Pais e Padrinhos”. O encerramento foi com a Santa Missa presida pelo Pe. Odair Bezerra, Assessor da Catequese com Adultos e Pais e Padrinhos de Batismo da Comissão Bíblico-Catequética Diocesana.

Related posts